Pesquisar este blog

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

alada


























impaciente e alvoroçado é o bailar
desses cactos que tomam formas
transparentes sob neblinas azuis
vaga como ecos nas correntes do peito
mais que um badalar de andarilho solto

nas senhas virtuosas da existência
marcada por labirintos não há sombras
apenas a luz dum futuro surpreendente
e a sintonia ruída pelo tempo e descaso
ainda roga a inadimplência com o vazio

ah, elevai os acordes para que despertem
os guerreiros vigorosos que já não bradam
e que venham imponentes
incendiando paraísos artificiais
e aviem assim demônios de face sorridentes

intempestivos cortam feito raios
os caminhos fugidios
queimam todas as terras produtivas
e anseiam por mulheres e crianças

ah, outrora como serpentes silenciosas
avançam em vãs ilusões
mas se o canto que chega nesse ventre
fecundo chorar não haverá força
que aniquile todas as coisas belas.

8 comentários:

Analuka disse...

Banho de cor e encantamento... partículas de luz e de magia... prazer da minúcia, da delicadeza e do movimento!...

Beijos alados e grata por partilhar, caros amigos Sindri e Larissa.

Anna Labrysmoom (Clea imagina) disse...

Colores en tu piel, amiga.
Estás preciosa.
Un abrazo

Maü Cardoso disse...

Grande Sindri...
Seu trabalho é ótimo e
as mensagens que passa,
especiais.
Virei seguidor...
Vou olhar com calma e
comentar.
Muito obrigado por
compartilhar esse seu
espaço comigo.
Quando puder, visite o meu:
maucardoso.blogspot.com
Um forte abraço,
Maü Cardoso.

Cecília Tavares disse...

Tenho que rasgar sedas para você.
Tens um talento fora do comum,afinal,comum não caberia em sua face ou em seus gestos,
Se estivesse falando de comum,falaria de outros,
não do seu talento,parabéns,que a arte esteja sempre em boas mãos.

Sindri disse...

Agradecido Cecília querida! Teus elogios são muito gentis! Desejo que estejas produzindo, pois sei que a palavra habita em ti. Saudades!

Larissa Marques disse...

Sindri me inspira a poesia, enquanto ele me manda fotografias, eu viajo em palavras!
como é bom ter retórica para responder com minha literatura!
agradeço a todos que comentaram!

beijo, Sindri!

Maü Cardoso disse...

Olá Larissa...
Já comentei algumas fotos do Sindri, mas ainda não havia escrito nada destinado diretamente a você. Me perdoe...
Na verdade, sinto seus textos com uma profundidade imensa.
Sinto que são elaborados com os sentimentos mais profundos e nobres, que carregas.
São fortes. São vivos.
E são suaves, quando o momento
convida.
Mas, o mais importante é que seus textos vão fundo e mexem de maneira primorosa, com os sentimentos e com o imaginário da gente.
Meus parabéns... De verdade.

Te convido a conhecer o meu blog.
Pois, assim como você, sou um
apaixonado pelas palavras e por
rascunhar meus sentimentos pela escrita.
www.maucardoso.blogspot.com

Será um grande prazer te receber.

Um beijo grande e, mais uma vez, parabéns pelo seu trabalho com as palavras. É muito bom...

Maü Cardoso.

paulonevesjr disse...

ótima...